sábado, 26 de maio de 2012

DISSERTAÇÃO DE RETROSPECTIVA HISTÓRICA


DEFINIÇÃO
A elaboração de uma dissertação de retrospectiva histórica consiste em fazer uma análise de um determinado tema em diferentes épocas, de forma histórica, seguindo a estrutura específica para esse modelo de redação.

ESTRUTURA:
A) Introdução: Na primeira parte do texto dissertativo de retrospectiva histórica é feita uma abordagem do tema, de forma geral, explicando-o ou definindo-o. Não há necessidade de se trabalhar com argumentos.

B) Desenvolvimento: O miolo do texto será dividido de acordo com a quantidade de época que se quer abordar. Se apenas duas, dois parágrafos, um para cada época; se três diferentes épocas, três parágrafos e assim sucessivamente. Os argumentos serão de base histórica, por isso é importante datas, fatos, eventos, dados, etc.

c) Conclusão: A parte final é feita em apenas um parágrafo com a retomada do tema. Logo em seguida é compilada uma perspectiva presente, atual, ou futura sobre o assunto tratado.

IMPORTANTE: É necessário ao redator segurança intelectual para não inventar fatos, omiti-los ou se enganar com os eventos históricos.

Esquema da dissertação:


EXEMPLO:

NUM PISCAR DE OLHOS

É indiscutível o espantoso avanço conseguido pelos meios de comunicação ao longo dos tempos. O desenvolvimento tecnológico deste século garantiu a eficiência e a rapidez na comunicação quer entre indivíduos quer através dos meios eletrônicos, que fazem a informação chegar aos povos de qualquer parte do planeta em questão de segundos.
Em tempos passados, as pessoas dispunham basicamente do correio e do telégrafo. Todos sabem que ainda no século XX passavam-se meses antes que alguém soubesse da morte de um parente ou amigo que estivesse na Europa. Isso ocorria porque a comunicação dependia basicamente dos meios de transporte. Quanto ao telégrafo, embora mais rápido, ele restringia em muito a quantidade de dados transmitidos.
Foi somente na atualidade que a comunicação foi grandemente impulsionada pelo avanço tecnológico. Surgiu o telefone e mais recentemente o fax. O rádio e a televisão foram inventos que, além de possibilitarem a veiculação de notícias para uma grande massa, ainda permitiram uma melhor integração entre populações de diferentes estados ou países. Com a utilização de satélites nas transmissões, o mundo interligou-se. O futuro parece trazer a popularização da TV a cabo e da internet.
Dessa forma, entende-se que mudou e muito a comunicação e, com ela, o próprio homem. Agora, cada indivíduo é um habitante do seu planeta e não mais de sua cidade ou país. Mais do que nunca, cada um assiste, a todo instante, ao desenrolar dos fatos que compõe a História.
(Branca Granatic, Técnicas Básicas de Redação)

No texto jornalístico é muito comum o artifício da retrospectiva histórica, veja um exemplo:

Destruição da Mata Atlântica

por João Paulo Capobianco


A história do Brasil e a história da destruição da Mata Atlântica se confundem e se explicam. Primeiro conjunto de ecossistemas a entrar em contato com o colonizador, sofreu as consequências da ação dos que com ela não possuíam qualquer vínculo e aqui não tinham interesse de construir uma nação. Do saque do início da colonização à substituição pelas práticas agrícolas, a forma de relacionamento com a Mata Atlântica sempre foi a mesma: destruição, política de terra arrasada.
                  
Até hoje a exploração predatória de espécies vegetais para lenha, carvão, alimentação e construção persistem, o que tem levado muitas delas à extinção. Estudos recentes, desenvolvidos a partir da análise de imagens de satélite, mostram um acentuado ritmo de substituição de extensas áreas de florestas por empreendimentos agropecuários, obras de infra-estrutura e expansão urbana.

Em 1993, o Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais (INPE) e a Fundação S.O.S. Mata Atlântica apresentaram os resultados de um minucioso estudo sobre os desmatamentos na Mata Atlântica em dez estados, do Rio Grande do Sul ao sul da Bahia, comparando imagens de satélite de 1985 e 1990. Os números impressionaram pesquisadores, órgãos de governo e organizações não-governamentais e tiveram ampla repercussão na imprensa nacional e internacional. Em apenas cinco anos foram eliminados mais de meio milhão de hectares de Mata Atlântica nesses estados, o equivalente a aproximadamente 400 campos de futebol de matas destruídas por dia.
                  
O estudo também mostrou que além de intensa, esta destruição se deu de forma seletiva, prejudicando principalmente determinadas formações florestais que compõem a Mata Atlântica. São os casos das matas de araucárias, nos estados do Paraná e Santa Catarina, e as matas de interior das regiões Sul e Sudeste.


EXERCÍCIO DE DISSERTAÇÃO COM ALUSÃO HISTÓRICA

Os temas abaixo possibilitam uma retrospectiva histórica para melhor entendimento e absorver os detalhes da ideia. Desenvolva o assunto situando primeiramente em uma época mais distante e depois em uma época mais próxima.

Tema 01 – Muito se discute a importância de algumas fontes de energia das quais o homem dispõe e que lhe são indispensáveis.
ÉPOCA MAIS DISTANTE:


ÉPOCA MAIS ATUAL:


Tema 02 – Hoje, graças aos esforços de muitos pesquisadores, pode-se afirmar que diminuiu o número de doenças consideradas graves.
ÉPOCA MAIS DISTANTE:


ÉPOCA MAIS ATUAL:


Tema 03 – A mulher tem conseguido um grande avanço na luta pela sua emancipação.
ÉPOCA MAIS DISTANTE:


ÉPOCA MAIS ATUAL:


Tema 04 – É quase inacreditável a sofisticação e eficiência alcançada atualmente pelos meios de transporte.
ÉPOCA MAIS DISTANTE:


ÉPOCA MAIS ATUAL:


Tema 05 – A capacidade destrutiva do homem cresce na exata proporção em que a ciência possibilita o avanço tecnológico.
ÉPOCA MAIS DISTANTE:


ÉPOCA MAIS ATUAL:


Tema 06 – A comunidade indígena que habita as terras brasileiras em muito foi prejudicada pelo contato com o homem europeu.
ÉPOCA MAIS DISTANTE:


ÉPOCA MAIS ATUAL:

BOM ESTUDO!


6 comentários:

  1. Faltou citar a fonte do texto, que não é de sua autoria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João,

      Recomendo que leia novamente os textos, pois ambos estão com autoria. Obrigado,

      Excluir
  2. Alguém faz uma redação p mim falando sobre a retrospectiva 2016 por favor!

    ResponderExcluir